Sou da época de deixar o vídeo cassete gravando filmes de madrugada

Nos anos 90 e início dos anos 2000 pouquíssimas pessoas tinham computador em casa, internet então, muito menos. E como naquela época também não havia o santo "Netflix", tínhamos que nos contentar em assistir filmes de duas formas: alugando fitas ou na programação da TV aberta.
Uma técnica que meu pai sempre usava para assistir filmes diferentes sem precisar ir até a locadora, era deixar o vídeo cassete gravando de madrugada. Na Rede Globo, por exemplo, havia noites que terminava um filme e já começava outro, isso porque havia várias sessões - Intercine, Corujão, Sessão de Gala, entre outras. Os filmes eram sempre excelentes e alguns até raros, portanto dificilmente passariam na Sessão da Tarde, por exemplo. Claro, de vez em quando passava um ou outro filme trash, e às vezes filmes de besteirol ou terror, mas sempre era de se aproveitar.


Como ninguém tinha vida mansa pra poder virar a noite assistindo filmes, antes de ir dormir meu pai pegava uma fita VHS virgem, às vezes até usada mesmo, programava o aparelho de vídeo pra que ele ficasse gravando a madrugada toda, até terminar a fita. No outro dia, rebobinávamos a fita e esperávamos pelas "surpresas", afinal, na maioria das vezes a fita conseguia armazenar mais de um filme, mas nunca sabíamos qual. No caso dos filmes do Intercine, geralmente conseguíamos saber qual filme iria passar, pois pra quem não lembra, essa era uma sessão onde havia duas ou três opções de filmes, e o próprio telespectador ligava através do 0800 para escolher o filme que seria exibido no dia seguinte.

Muitas vezes, meu pai ia dormir cedo então acabava deixando o vídeo ligado um pouco antes de começar o Programa do Jô, que não era o que queríamos ver, ou seja, ocupava espaço à toa na fita. Lá pelas tantas da noite, começava algum filme interessante, e adivinhem só: a fita acabava na metade do filme. Era bem triste, pois muitos desses filmes eram raros, e aí ficávamos sem saber o final da história.
Hoje em dia, com a internet a nosso favor, resolvi ir atrás de alguns filmes que assisti naquela época das "fitas da madrugada", e consegui rever alguns e saber o final. Hoje é tudo muito fácil, mas já ralamos muito pra conseguir assistir filmes diferentes na madrugada. Mas e você, já passou por essa fase de gravar filmes da TV para o VHS? Ou já passou pela triste situação de gravar um filme pela metade e não saber o final? Deixe um comentário e vamos relembrar esses velhos tempos.

7 comentários:

  1. eu deixava gravando as novelas mexicanas do sbt e os desenhos animados! haha era tão bom! <3 :***

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tempos que não voltam mais hehe ;) Obrigada por comentar :**

      Excluir
  2. Nunca cheguei a tanto. Sou da época em que já alugavamos filmes nas locadoras. E perto de casa haviam muitas. Uma pena que hoje em dia já não se tem mais locadora.

    Até mais!
    Karolini Barbara
    womenrocker.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nós aqui também gostávamos muito das locadoras, porém mais em finais de semana. Realmente hoje estão quase extintas, uma pena. Obrigada por comentar, volte sempre!

      Excluir
  3. Tenho 17 anos, mas, lembro dessa época. Eu amava assistir filmes na globo, e era realmente seguidos os filmes, um atrás do outro. Se eu não me engano, também passava um desenho de uma família, mas tinha bastante besteira kkk Beijos <3

    Vem visitar meu blog? ♥
    www.super-caprichada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bianca! Eu acho que o desenho que você diz é o "Uma família da pesada" não? Hehe obrigada por comentar e visitar o blog. Vou retribuir a visitinha sim <3

      Excluir
  4. E o sessão de desenhos que passava às 04:00am? Meu Deus eu acordava escondido pra poder ligar a televisão e poder ver. O foda era o barulho que as tvs de tubo da época faziam. Era quase inevitável não acordar os pais. Tempos bons rs

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.